Fm Jardim

sábado, 15 de junho de 2013

Fabinho é libertado de cativeiro

Quatro dias depois de ter sido sequestrado de dentro da própria concessionária de carros em Mossoró, o empresário Fabinho Porcino foi libertado do cativeiro localizado no interior do estado do Ceará. Ele foi resgatado pela polícia na tarde de ontem (14), na zona rural do município de Canindé, que fica a 290 km de Mossoró e a 115 km de Fortaleza.
DivulgaçãoFabinho era mantido em cativeiro distante 290 km de MossoróFabinho era mantido em cativeiro distante 290 km de Mossoró

A informação acerca da libertação de Fabinho Porcino foi confirmada pelo secretário estadual de Segurança, Aldair Rocha. Em contato com a reportagem do JORNAL DE FATO, ainda no início da tarde dessa sexta-feira, Aldair da Rocha informou que a delegada Sheyla Freitas e uma equipe da Divisão Especializada de Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), estavam à frente da ação policial que tinha estourado o cativeiro que o empresário mossoroense estava sendo mantido refém pelos sequestradores.

Ainda de acordo com o secretário de Segurança do RN, a vítima estava em uma espécie de chácara na localidade de Ypiranga, no município de Canindé, que fica localizado quase na divisa com o estado do Piauí (PI). Após o resgate, o serviço de inteligência da Polícia Civil do Ceará e do Rio Grande do Norte embarcou imediatamente para Fortaleza. Em entrevista exclusiva ao blog de César Santos, o pai de Fabinho, o também empresário Fabio Porcino, revelou que os sequestradores não tinham mantido contato com a família.

Fábio Porcino também contou ao jornalista César Santos que, depois de resgatado, o filho dele foi encaminhado para Fortaleza, com a finalidade de prestar depoimento à Polícia Federal. Fabinho retornou à cidade de Mossoró por volta das 21h50 desta sexta-feira (14) e foi recebido com festa na cidade. Neste sábado, Fábio Porcino e o filho concedem entrevista coletiva para falar sobre os momentos vividos durante o sequestro.

As informações preliminares obtidas ontem davam conta de que o empresário estaria fisicamente bem e de que dois suspeitos teriam sido presos durante a ação policial que resultou na libertação do jovem e que contou também com o apoio da Polícia Federal.

Depois de o empresário ser libertado do cativeiro, foi levado para a sede da Polícia Federal do estado do Ceará e por volta das 18 horas o comboio, liderado pela delegada da Deicor, Sheila Freitas, saiu da cidade de Fortaleza rumo a Mossoró. No comboio estavam os dois homens envolvidos no sequestro, que foram presos na operação. Há expectativa de que hoje os dois sejam apresentados à imprensa.
Fonte:Tribuna do Norte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.