Fm Jardim

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Governo não paga diárias da PM e segurança do réveillon e Operação Verão estão comprometidas


Os 1.200 policiais e bombeiros militares que trabalharam no Carnatal, durante quatro dias seguidos, ainda estão sem receber as diárias operacionais pela prestação de serviço extra. O valor de cada diária é R$ 50. Por causa disso, os trabalhos do réveillon e operação Verão da Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros (CBM) estão comprometidas.

As diárias operacionais são um serviço extra, no qual o policial se disponibiliza a trabalhar no período de folga. A diária operacional não é obrigatória. “O não pagamento deixou a categoria muito descontente e isso prejudicará a segurança no Réveillon e da Operação Verão, já que os policiais não estão se disponibilizando a trabalhar no horário de folga, em que poderiam descansar ou estar com sua família, sem receber”, afirmou o cabo Jeoás Nascimento, presidente da Associação dos Cabos e Soldados da PM/RN (ACS-PM/RN). Complementando que os policiais militares não podem ser responsabilizados pelo fato do Estado não possuir um efetivo policial suficiente para trabalhar nas festas.

“O governo precisa ter atenção e compromisso com os policiais, principalmente, quando estes sacrificam o seu horário de folga, aumentando a sua carga horária, para prestar um serviço ao Estado e a população. Esperamos sensibilidade do governo em garantir esse pagamento até amanhã para que os policiais trabalhem no Réveillon”, disse.

“O Governo do Estado havia prometido que as diárias seriam pagas logo após o Carnatal. Na semana passada, a governadora desmentiu essa promessa, feita pelo Comandante da PM. Cel. Araújo, e disse que o pagamento seria efetuado junto com o pagamento de dezembro. Mas o salário entrou hoje e nada de diárias operacionais”, reclamou.
Fonte: Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário